Tributos

Impostos Federais

Cooperado Pessoa Física

INSS
Incidente sobre a remuneração (honorários médicos + custo operacional – glosa). Na base de cálculo deve-se observar o teto.

Alíquota 20% até R$5.645,80

ATENÇÃO: Cooperado que possui recebimento em outras Cooperativas , Unimed ou com vínculo empregatício, bem como honorários provenientes de convênios diversos da cooperativa, atingindo o teto máximo de contribuição, não estará sujeito a alíquota de 20%, mediante apresentação dos comprovantes.

IRPF

Tabela Progressiva para o cálculo mensal do Imposto sobre a Renda da
Pessoa Física para o exercício de 2017, ano-calendário de 2016.
Base de cálculo mensal em R$ Alíquota % Parcela a deduzir em R$
Até 1.903,98
De 1.903,99 até 2.826,65 7,5% R$ 142,80
De 2.826,66 até 3.751,05 15% R$ 354,80
De 3.751,06 até 4.664,68 22,5% R$ 636,13
Acima de 4.664,68 27,5% R$ 869,36

 

Tabela de dedução por dependente na determinação
da Base de Cálculo do IRPF
Ano-calendário Quantia a deduzir, por dependente, em R$
2016 189,59

 

Cooperados Pessoa Jurídica

IRPJ (honorários médicos + custo operacional – glosa)

Alíquota 1,5%

COFINS, PIS E CSL – Retenção na fonte

Incidente sobre a remuneração (honorários médicos + custo operacional – glosa), na alíquota total de 4,65%, quando o total atingir valor igual ou superior a R$215,05 no mês.

ISSQN – Retenção na fonte

Incidente sobre a remuneração ((honorários médicos + custo operacional – glosa)

Alíquota: 3% ou de acordo com a situação da Pessoa Jurídica perante à Prefeitura.